Reflexão 2(Por Tânia Guimarães)

Reflexão 2
Vamos falar um pouco sobre vereadores que parece ser uma questão bem complexa. Sim! Pois tanto candidatos como eleitorado confundem um pouco as coisa fazendo, ás vezes, da política um balcão de negociação. Tanto o eleitor quanto o candidato que deixa isso acontecer se torna um corrupto! Eleitor, não seja ingênuo. Não acredite que seu candidato depois de eleito vai lhe garantir um emprego.Ele não tem poder para isso! E não ” venda” seu voto porque ele não tem preço. E você não tem obrigação de votar em alguém por amizade. Seja sensato e responsável. O que você tem que analisar é a índole do seu candidato. Se tem um perfil adequado para lhe representar perante o executivo. Ele tem facilidade para se expressar? Tem escolaridade suficiente para entender e interpretar leis ? É uma pessoa que tem qualidade para ser um político pelo menos razoável? Isso é o mínimo que se espera de alguém que almeja um cargo de vereador.
Agora passemos para o candidato …olha ,amigo, você se eleito foi porque um número significativo de pessoas acreditou e depositou em você confiança. Você vai defender o interesse do povo ,não do prefeito, mesmo sendo do seu grupo. A partir do momento que você receber seu diploma de vereador você deixa de trabalhar individualmente e vai integrar um grupo. Não “panelinhas de partidários” que é coisa que mais acontece. No nosso caso são onze cidadãos eleitos vereadores para representar toda uma comunidade, não interesses particulares. E por favor, chega de picuinhas! Nada de aprovar ou desaprovar projetos visando questões partidárias! Não há coisas mais depreciável do que isso! Deixar de aprovar um projeto porque foi um colega que não é do seu grupo que apresentou. Isso é vil e mesquinho, pois seu pagamento sai dos cofres públicos.
Seja um vereador que como o bom profissional pode deitar e dormir com a consciência tranquila porque desempenhou seu papel com dignidade.
Precisamos de mudanças sim, mas mudança na ética…independente de partido!
E preste conta à população do seu trabalho seja por redes sociais ou até mesmo pessoalmente. Dessa forma ,no final dos quatros anos ,não terá que ouvir piadinhas sobre seu “sumiço” durante esse tempo. Isso, principalmente, se tiver intenções de reeleger…
Desse modo todos sairão ganhando, a população que foi bem representada e o legislativo que soube cumprir o seu papel!

A imagem pode conter: texto que diz "É FUNÇÃO DO VEREADOR NÃO É FUNÇÃO DO VEREADOR Fiscalizar o Prefeito, Vice-Prefeito e Secretários Municipais Propor leis de interesse municipal, debatê-las e aprová-las. Votar projetos de leis enviados pelo Prefeito. Organizar os serviços das Câmaras Municipais. Representar os anseios populares para o bem comum. Distribuir cestas básicas, carros pipas de água, etc. Financiar festas, times de futebol, etc. Conseguir vagas em creches, escolas, hospitais, etc. Intermediar qualquer serviço que seja direito do cidadão. Beneficiar-se do cargo publico para obter vantagens pessoais."
Até breve!
Tânia Guimarães

Facebook Comments

Deixe uma resposta