Qual a diferença entre terapia, psicoterapia e análise?

O post de hoje visa esclarecer a diferença entre essas práticas profissionais. Terapia engloba várias possibilidades: pode significar o tratamento para uma determinada doença pela medicina tradicional, terapia complementar ou alternativa. Existem diversos tipos de terapia, por exemplo, a terapia ocupacional, entre outras. Essas práticas não são regulamentadas pelo CFP. Todavia, o termo terapia muitas vezes é utilizado para dizer sobre a sessão de atendimento psicológico e para definir algumas terapias e teorias da área de Psicologia.

Psicoterapia se refere ao tratamento e cuidado das questões emocionais, psíquicas, comportamentais, entre outras. É voltada para a promoção da saúde mental, cuidado, prevenção de doenças e questões emocionais. A área de intervenção se concentram na emoção humana, no ser humano como biopsicossocial e nas possibilidades que apresenta o psiquismo humano. A psicoterapia é executada por psicólogo com CRP, prática exclusiva deste profissional.

Por fim, a análise é uma prática desenvolvida por psicólogos que tenham CRP ou por pessoas que fizeram o curso de psicanálise clínica e estão aptos a atender. A diferença entre esta e a psicoterapia, que são parecidas, mas não são iguais, é que, o analista/psicanalista considera o sujeito como biopsiquicossocial, como na psicoterapia, e além disso, visa fazer uma análise profunda das questões do paciente, por meio da escuta atenta e da associação livre do paciente, isto é, pela fala livre e por tudo o que ele traz. Esse tipo de tratamento busca entender o modo de funcionamento do sujeito de maneira a levar em consideração o seu inconsciente e como ele aparece na fala. Assim sendo, esse tratamento demanda tempo, investimento emocional e psíquico do paciente e do analista. Apesar disso, pode produzir avanços muito significativos e esclarecedores.

Todos os tratamentos citados tem seus benefícios.

No que concerne a Psicologia, pode-se dizer que, com psicoterapia ou análise, as pessoas poderão ter resultados benéficos em diversos aspectos. O paciente tem parte ativa do trabalho psicoterápico, sendo o psicólogo uma ferramenta humana e profissional para auxiliá-lo.

👩🏻‍💻 Psicóloga Taíza Queiroz Lima – CRP-04/56933

Facebook Comments

Deixe uma resposta