Pular para a barra de ferramentas

Youtuber sobre assédio de Vin Diesel: “na hora não achei grave, quando fui editar que choquei”

Foto: Reprodução/Youtube

A repórter e youtuber Carol Moreira relatou momentos de constrangimento em uma entrevista com o ator Vin Diesel durante o evento CCXP 2016, em São Paulo. Ao publicar o vídeo da entrevista em seu canal do Youtube, nesta quarta-feira (21), a profissional confessou ter ficado desconfortável com os elogios e que não gostou da maneira que o ator atrapalhou seu trabalho.

O astro de “Velozes e Furiosos” interrompeu a repórter ao menos três vezes para fazer elogios sobre sua beleza, dizendo estar apaixonado. Em outros momentos, durante a gravação, ele diz que ela é sexy e a convida para ir embora e almoçar. Visivelmente constrangida, Carol tenta retomar as perguntas da entrevista, com duração máxima de dez minutos.

Antes do vídeo feito no dia, a youtuber faz uma introdução explicando o que ocorreu e como se sentiu, destacando que não se sentiu confortável com os elogios. “Ele começou a me cantar no meio da entrevista, falar que eu era bonita e interrompeu a entrevista três vezes para falar disso. Então vocês vão ver aí no vídeo que eu estava rindo, completamente desconfortável. Eu não sabia muito bem o que fazer, só ria porque eu estava numa situação muito delicada, mas a verdade é que eu não gostei disso. Na hora eu não soube reagir, mas vocês vão ver que eu estava desconfortável, que não foi legal, que ele interrompeu o meu trabalho. Enfim, eu admiro muito o trabalho dele, mas esse dia eu fiquei um pouco decepcionada com a atitude dele”, contou ela.

O vídeo repercutiu na internet, chegou a se tornar um dos assuntos mais falados do Twitter e Carol usou seu perfil do microblog para rebater críticas sobre seu posicionamento. Desta vez, a repórter revelou que não achou o comportamento de Vin Diesel tão abusivo no momento da entrevista, mas ficou chocada com a situação ao editar o vídeo. “Estão falando que comentei isso porque quero fama, entre outras asneiras (…) Infelizmente na hora nem achei tão grave. Quando fui editar que choquei com o que tinha acontecido. Na hora eu nem notei que ele falou sexy, por exemplo”, explicou Carol.

“Eu estou muito triste com essa repercussão equivocada de que eu quero ‘fama’ ou aparecer. Já chorei muito hoje e não consigo dormir. Expor machismo é assim. A vítima sempre leva culpa”, afirmou.

Fonte:TV Fama

Facebook Comments

Deixe uma resposta