Pular para a barra de ferramentas

OPERAÇÃO POLICIAL Adolescente confessa ser autor de ofensas contra filha de Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank

Foto:Reprodução/Instagram

A Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro cumpriu nesta terça-feira (20) três mandados de busca e apreensão da Operação Gagliasso, obtidos durante a investigação da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI) sobre os ataques de cunho racista contra a filha de três anos dos atores Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank. Na operação, foram apreendidos celulares e sete pessoas foram conduzidas para prestar esclarecimentos. Entre elas um adolescente de 17 anos que confessou ser um dos autores das ofensas.

De acordo com a Delegada de Polícia Daniela Terra, coordenadora da operação, dois dos mandados foram cumpridos na cidade de Guarulhos e um outro em Itaquaquecetuba, ambos em São Paulo, com apoio do Departamento Geral de Polícia Especializada (DGPE), do Centro Integrado de Inteligência e Controle do Estado de São Paulo e do Grupo Armado de Repressão a Roubos (GARRA) da Polícia Civil de SP.

>>> Bruno Gagliasso sobre racismo sofrido pela filha: “Vão achar”

Entre os sete investigados, o menor de idade de 17 anos explicou no relato que criou um perfil falso em rede social para fazer as ofensas à Titi no perfil de Gagliasso e Giovanna, acreditando que não seria punido pelas ações, segundo a nota.

A equipe da DRCI continua nesta terça-feira ouvindo os conduzidos e verificando informações para identificar outros envolvidos no crime.

Fonte:TV Fama

Facebook Comments

Deixe uma resposta